>

segunda-feira, 26 de maio de 2008

Um Episódio de Vida ... no Dentista!!

Ao André nunca caíam os dentes de leite, pelo que os definitivos apareciam completamente desalinhados, pois não tinham espaço por onde irromper.

Embora o pai também precisasse de arranjar a boca, optámos por levar o nosso filho ao dentista. Aconselharam-nos a adquirir um aparelho amovível, para usar durante cerca de 2 ou 3 meses para que se conseguisse ganhar espaço na boca.

Após esta etapa ser-se-ia colocado um aparelho fixo para alinhar a dentição. Ok, embora com um grande esforço financeiro, avançámos para o tratamento. Pagámos cerca de 400,00€ pelo dito aparelho, e ficamos ainda de ir pagando 40,00€ de 15 em 15 dias para os ajustes que eram necessários fazer.

Antes de avançarmos para o tratamento, explicamos-lhe que iríamos fazer um grande esforço financeiro, mas para que o tratamento fosse bem sucedido teríamos que contar com a sua colaboração.

Aceitou. Avançámos.

Todos os dias pela manhã lhe dava as recomendações necessárias, para ter cuidado, para não comer rebuçados nem pastilhas, para ter cuidado para não levar uma bolada na boca, etc.

Quando regressava da escola pela hora do almoço, ele nunca tinha o aparelho na boca. Ora estava dentro do bolso das calças, ora dentro da mala, ou do estojo dos lápis, em todo o lado, menos na boca. Isto acontecia todos os dias.

Eu ficava como doida a vê-lo procurar nos sítios mais estapafúrdios o aparelho que tanto nos custou pagar …. Até que um dia … quando tira o tira de dentro da mala o aparelho estava partido!!!

Fiquei petrificada e mandei-o ir ao dentista para tentar ver qual a possibilidade de recuperação. Lá tivemos sorte e com uma cola toda XPTO o dentista colou o aparelho.

Passado uns dias, já não me recordo a propósito do quê, ele cria uma situação qualquer (sinceramente já não me lembro) para que o pai fosse obrigado a tomar uma posição e lhe batesse e é nessa altura em que o pai lhe lá uma estalada que ele tira o aparelho da boca completamente partido ao meio.

Bem não queríamos acreditar no que víamos … e ainda mais, no descaramento que ele tinha tido de criar uma situação de extremo, que levasse o pai a agredi-lo, para que assim ele justificasse a quebra do aparelho.

Quis com isso transferir para o pai a responsabilidade da quebra de um aparelho que tinha sido quebrado na escola. Mais uma vez fomos ao dentista, e eis que pedindo imensa desculpa e alegando que seria a primeira vez em 20 anos de carreira, teria que terminar o tratamento pois o André não tinha maturidade para usar aparelho dentário.

Assim ainda hoje o meu filho tem os dentes todos “desarrumados” não por falta de cuidado ou interesse dos pais, mas por falta de responsabilidade.

Agora aqui tenho eu um aparelho que nos custou um dinheirão para servir de mera recordação!!! Até rima!! Lol!

1 comentários:

A mamã disse...

sem duvida triste mais esta situação ...bolas
olha já que falas
como já deves ter notado a Bia tb tem os dentes tortos porque não tem espaço também na boca ...a dentiste sugeriu-me esse aparelho mas diz k ainda é cedo ...mais um aninho á frente a ver se entretanto caem os de leite todos ...irá custar cerca de 250€ e as tais consultas de re-ajuste são gratuitas ...o que te ia perguntar era se tinha dado resultado mas nem vale a pena perguntar pois já vi k não concluiu o tratamento ...
Bjs
paula